Publicado em 24 Mar 2020

Os ensaios em rodas de automóveis

Redação

As rodas de um automóvel devem suportar o seu peso total, resistem às tensões criadas durante a rotação e transmitem o torque de acionamento para propulsão e o torque de ruptura para retardamento. As rodas devem ter uma construção bem equilibrada, especialmente para rodar em altas velocidades. Os conjuntos de rodas desbalanceados causam vibração excessiva, o que acelera o desgaste dos pneus. Deve-se conhecer os métodos de ensaio de fadiga rotativa e fadiga sob carga radial (ou compressão), para verificação da durabilidade, bem como os métodos de ensaio de resistência e especificações do acabamento superficial, materiais restritos, das rodas de aço para automóveis, veículos de uso misto ou de carga dele derivados, camionetas de uso misto e seus rebocados.

Da Redação – 

 

O controle, a aceleração e a frenagem de um automóvel ocorrem através dos pneus e seu contato na superfície da estrada. Os pneus, montados sobre as rodas, devem ser grandes e fortes o suficiente para suportar o veículo na estrada. A tração, a força necessária para fazer o pneu escorregar no adesivo de contato, é a mesma no volante em todas as direções, seja acelerando, nas curvas, freando ou qualquer dessas combinações

A força de tração para controlar o automóvel diminui rapidamente quando uma derrapagem acontece e pode ocorrer a perda de controle do veículo. O pneu, junto com a roda, deve absorver, defletindo, parte do choque causado por irregularidades na estrada.

Durante a operação normal, os pneus e as rodas dos automóveis rodam aproximadamente 500 rotações a cada km percorrido. Os principais fatores que afetam a vida útil do pneu são pressão da inflação, velocidade do veículo, taxa de aceleração, temperatura, troca de pneus e balanço de pneus e rodas. Espera-se que um pneu de trator dure 20 anos, um pneu de caminhão pode rodar 80.500 km, um pneu de carro de passageiro rode 48.500 km e um pneu de corrida roda 800 km.

Por isso, as rodas devem ser rígidas o suficiente para manter sua forma em todas as condições de operação. Quando sujeitas a impactos anormais, elas devem preferencialmente dobrar e não devem entrar em colapso. As tolerâncias dimensionais da roda devem ser precisas o suficiente par...

Target

Facilitando o acesso à informação tecnológica