Publicado em 30 Nov 2021

O futuro do setor da construção envolve produtividade, segurança e agilidade

Redação

O uso de inteligência artificial (IA) para a captação e processamento de dados, por exemplo, está sendo utilizado nos mais diversos setores, e na construção não seria diferente. A coleta de dados através da integração de sistemas e uso de IA permite que as construtoras tenham acesso a uma série de informações, insights e predições que auxiliam os gestores nas tomadas de decisões, reduzindo riscos de maiores erros e eventuais perdas - financeiras e materiais.

Eduardo Pires – 

Considerado um dos setores mais tradicionais, o segmento da construção tem se remodelado nos últimos tempos, seja para se adaptar às volatilidades econômicas ou para atender demandas sociais e ecológicas na hora de construir. Nesse sentido, as inovações tecnológicas também têm caminhado para fornecer a estrutura necessária para aumentar a produtividade e de fato incrementar o desenvolvimento do setor.

Segundo o estudo global Transformação Digital: O Futuro da Construção Conectada, encomendado pela Autodesk à IDC, a transformação digital é uma prioridade para 72% das empresas de construção consultadas - o estudo ouviu 835 profissionais de grandes construtoras de 12 países. A pesquisa ressaltou ainda o alto investimento do Brasil na utilização da tecnologia Building Information Modeling (BIM): o país adota essa tecnologia em 53% dos projetos de construção, enquanto os demais países se mantém na faixa dos 40%.

A adoção dessa tecnologia se dá principalmente pelas suas multifuncionalidades, que permitem a integração de todos os setores envolvidos no projeto. A ferramenta possibilita a criação de projeto...

Target

Facilitando o acesso à informação tecnológica